Fale conosco via WhatsApp

Terça, 20 de outubro de 2020
informe o texto
Menu

Easy Cuiabá 99,1 fm No Ar: Happy Day

Conteúdo ExclusivoPense Nisso

UM PEDIDO DE SOCORRO

UM PEDIDO DE SOCORRO

22/09/2020 - 10:14

Um pedido de socorro

Lembro-me quando eu ainda era um menino, passeava de barco com minha família, contemplando, pelo menos uma vez ao ano, as belezas do Pantanal. Meu pai gostava muito de pescar, mas a minha satisfação mesmo era olhar para o rio, cercado de muitas árvores. As folhas verdes, o cheiro de natureza e as surpresas que ela nos entregava durante o trajeto, me faziam tão bem…

Era um cenário encantador…

Aquele ambiente nos permitia sentir paz. Os pássaros cantavam alegres, como se desejassem boas vindas.. Observávamos onças e jacarés à beira do rio…

De vez em quando, um macaquinho traiçoeiro aparecia em meio aos troncos chamando nossa atenção. Ah, como nos divertíamos!

O que eu via e ouvia era um refrigério para minha alma, ainda que eu fosse só uma criança e naquela época não tivesse tantos compromissos a ponto de desejar me esconder do mundo e seus problemas.

Mas, nos últimos meses, a minha doce lembrança da infância tem sido golpeada por um cenário devastador, um terrível desastre ambiental.

O que eu mais admirava tem se transformado em cinzas.

O canto dos pássaros… em gritos de desespero, num céu tomado de fumaça;

Aliás, fumaça que invade também as cidades, sem pedir licença, tamanha a sua força e descontrole.

Animais tentam, mas nem sempre conseguem abrigo. O Pantanal está morrendo aos poucos...

E nós, dia a dia, perdemos um pouco da nossa maior riqueza; a nossa história, animais silvestres, plantas nativas…

O mesmo Pantanal que me trazia paz nos meus passeios em família, hoje me faz enxergar a ganância e a ignorância humana. Outras regiões do estado enfrentam o mesmo problema.

Biomas ameaçados por incêndios, dor e destruição;

São tantas vidas ceifadas, prejuízos, sonhos perdidos…

E o que podemos fazer?

Talvez você não seja alguém qualificado para ajudar efetivamente no combate aos incêndios, e por segurança, não deve se aproximar do fogo; mas você pode ser aquele que observa o comportamento do outro e denuncia práticas criminosas… também pode ser quem incentiva a consciência ambiental, em casa, no trabalho, em qualquer lugar, semeando novos comportamentos; talvez, aquele que apoia quem, de alguma forma, foi afetado com tudo isso;

Que possamos reconhecer o trabalho daqueles que se arriscam para proteger outras vidas, trabalhando horas e horas diárias contra um fogo astuto, rápido, que tem causado perdas irreparáveis…

Bombeiros, brigadistas, voluntários, autoridades públicas e políticas, eu e você. Esta é uma responsabilidade nossa.

Hoje, o nosso olhar para o Pantanal é com compaixão. O nosso paraíso está ameaçado e é hora de exercer a empatia, num nível ainda maior…

Inúmeras espécies precisam de socorro. Precisam de cada um de nós…

Estou certo de que os acontecimentos dos últimos meses têm nos mostrado a nossa fragilidade humana e o quanto precisamos evoluir como pessoas.

O meu desejo é que possamos fazer mais,

Que as nossas lembranças não se percam,

Que admiração que temos por nossa natureza não morra..

O verdadeiro impacto de todas as nossas ações, boas ou ruins, veremos no futuro…

Que possamos dar a volta por cima, juntos, cuidando bem do que é nosso, pensando ainda mais nos outros;

Pense nisso... mas, pense agora! 

Centro América FM Cuiabá - Rua Marechal Deodoro, 504, Anexo 1, Santa Helena, Cuiabá - MT,
CEP 78005-100. Tel.: 65 3614-1888
Home
Sitevip Internet